Diretrizes Para a Gestão de Tendências: Inovação e Estética Como Fundamento Para o Sucesso Empresarial

IMPRESSO

EBOOK

Valor:

Não Disponível

SINOPSE

Gestão de tendências. Embora ainda seja uma expressão relevante no cenário do design de produto, tendência é um termo em voga desde 1998, quando Alex Buck, Cristoph Herrmann e Dirk Lubkowitz escreveram o original alemão Handbuch Trend Management.  

Orientado às diversas áreas profissionais, com ênfase no design de produtos, o livro traça princípios básicos de um sistema de gestão de tendências, mostrando-se atualizado e altamente pertinente. Já naquela época, os autores observavam a importância do design na construção das estratégias das organizações e o papel que as tendências têm nesse processo.  

A produção da versão brasileira é fruto de esforços da professora Virgínia Borges Kistmann que, ao longo de suas orientações e estudos, reconheceu a sua relevância e a necessidade de promover algumas adaptações ao cenário nacional. “Trata-se de um livro de leitura prazerosa e fundamentada em inúmeros casos de sucesso (ou de fracasso) em relação à identificação ou construção de tendências. Muitos cases se referem diretamente à realidade brasileira, sendo mais um demonstrativo da precisão e competência com que a versão em língua portuguesa foi elaborada.” (Celso Carnos Scaletsky) 

Referência para pesquisadores, especialistas em tendências, designers, engenheiros de produto e de produção, bem como especialistas de marketing, a obra deixa transparecer a experiência dos três autores ao longo das cinco partes de crucial importância para a gestão de tendência nas quais está organizada: 

  1. Redescoberta do produto como dimensão central de sucesso na empresa (Capítulo 1) 
  2. Criação de uma consciência da importância que as tendências basicamente possuem para a empresa e para a gestão (Capítulo 2) 
  3. Geração do conhecimento do que afinal são as tendências, das formas de tendência existentes e de como se pode descrever cada uma delas (Capítulo 3) 
  4. Colocação de uma visão geral das formas de análise de tendência existentes e de uma resposta à questão de como se pode conduzir estas perspectivas completamente diferentes a uma matriz única (Capítulo 4)
  5. Obtenção de uma compreensão da amplitude do alcance da gestão de tendências nas empresas e das condições significativas para lidar com tendências com sucesso (Capítulo 5). 

INFORMAÇÕES TÉCNICAS

Impresso
Formato: 16 x 23 cm
Páginas: 150
Ano: 2019 

Referência
BUCK, A.; HERRMANN, C.; LUBKOWITZ, D. Diretrizes para a gestão de tendências: inovação e estética como fundamento para o sucesso empresarial. Trad. Ivone Böhler; Adap. Virgínia Borges. Curitiba: PUCPRESS, 2019. 

AUTOR

Alex Buck 
É fundador do primeiro escritório de gestão de design na Alemanha, o d…c brand+design consultants, de 1992, que se transformou em 2000 na Design Net AG Corporation, na qual foi sócio e CEO. Em 2002, com a sua fusão com a atual Peter Schmidt Group, assumiu nessa última o papel de sócio e presidente. Desde 2013 é presidente da Whybrand AG, Brand Identity Partners, Zürich – Frankfurt. Além de sua experiência profissional, foi editor da revista Form entre 1994 e 2001 e é autor de vários livros e artigos sobre brand, design e inovação. Designer pela Universidade de Offenbach e doutor em engenharia pela Universidade de Hannover, vem atuando como professor de universidades como a Universidade de Ciências Aplicadas de Munique e da Escola Superior da Forma —HfG Offenbach, no campo da Teoria e Estratégia de Design. Desde 2013 é professor honorário da HfG Offenbach na área de design de produtos, com ênfase na teoria do design, e trabalha na disciplina de Estratégia de Marcas. Desde 2014 é professor visitante no DETAO Masters Academy do Shanghai Institute of Visual Art (SIVA). 

 

Christopher Herrmann 
É sócio gerente da empresa H+P+Partner, empresa baseada em Munique, que atua em consultoria e projetos para a inovação, estratégia de marcas, design, marketing, vendas e serviços. Doutor em economia, possui experiência no campo dos negócios, tendo por 25 anos trabalhado como consultor e diretor de várias empresas de produtos de consumo, agências de publicidade e como gestor de empresa de comunicação global. É responsável por várias inovações, projetos de marketing e de expansão empresarial para marcas tais como Audi, Daimler-Chrysler, Otto, Red Bull, Volkswagen e Woolworth. Sua lista de publicações reúne livros e artigos sob o tema dos negócios, inovação, marketing e design. Foi professor visitante da Universidade de Artes de Berlim e há 10 anos leciona design estratégico, brand e gestão de portfolio, no programa de mestrado em inovação em negócios da Escola de Negócios Europeia em Oestrich-Winkel. Membro de diferentes comitês consultivos e de acionistas, foi apontado como conselheiro da Fundação Foundation para Acreditação de Administração e Negócios Internacional – FIBAA. 

 

Dirk Lubkowitz 
Tem formação em marketing e pesquisa de mercado pela Universidade Johan Wolfgang Goethe de Frankfurt. É especialista em orientação em tendências e análise de mercado. Trabalha em desenvolvimento de produto e projetos em geral para a Peter Schmidt Group, agência responsável por consultoria, desenvolvimento de conceitos, forma e acompanhamento de projetos de identidade corporativa, comunicação corporativa, arquitetura corporativa e design de produto e embalagens. 

COMPARTILHE

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

SUMÁRIO

Lista de Quadros 

Lista de Figuras 

Prefácio 

Apresentação à edição brasileira 

Os autores 

Introdução 

Capítulo 1 

      De volta às raízes: o produto como base para o sucesso das empresas 

      Produto como dimensão de sucesso central nas empresas 

      Base para uma gestão de produto eficiente 

      Sobre o papel da inovação e da estética 

      Sociedade, materialidade e mudança 

Capítulo 1 

      Para além do hype: tendências e seu significado para a gestão 

      Por que as tendências são importantes para as empresas 

      A dupla face das tendências 

      Tarefa central da gestão de tendências 

      O significado das tendências para a alta administração 

Capítulo 3 

      Por trás das tendências: buscando uma pequena fenomenologia 

      Definição de Tendência 

      Formas de tendências 

      Ambiente das tendências / Campo das tendências / Cenários das tendências 

      Estruturas de tendências 

      Dinâmica de tendências 

      Lógicas de tendências / Associações de tendências 

Capítulo 4 

      Sob a lupa: como chegar a compreender as tendências 

      Possibilidades de uma análise de tendências 

      O modelo da Tríade de Efeito do Produto 

      Exemplos de aplicação 

      Fatores de sucessos das tendências 

Capítulo 5 

      Firmemente sob controle: pontos de partida de uma gestão de tendência diferente 

      Da visão à formatação operativa 

      Estratégias de tendências 

      Marcas de tendência / Tendências de marca 

      Design de Tendência 

      O princípio de estilo cúbico 

      O estilo construtivista 

      O universo de estilo infantil 

      Sins e Nãos na Gestão de Tendências 

      Perspectivas de Tendências 

OUTRAS PUBLICAÇÕES